bicho

pegar na e., pô-la ao peito, ajeitá-la, beijá-la e olhar para ela. às vezes sinto-me personagem de um documentário sobre a vida animal. sinto-me bicho no pegar e no mexer e na forma como soube fazer as coisas sem antes as ter feito, na importância do toque e do cheiro e no entendimento sem palavras. tem razão a isabel: também eu sou antes de mais mãe. e bicho.

Comments are closed.