o om dela

Descobriu o seu próprio mantra. Di-lo vezes sem conta, concentrada nalgum exercício meticuloso ou absorta na cadeirinha de passeio, às vezes num sussurro e outras em ondas de graves e agudos: mamã papá mamã papá mamã papá mamã papá mamã papá

2 comments » Write a comment