troca tintas

tintas cin

Apesar de ter preenchido o formulário de pedido de catálogos no site da empresa, o F. teve de ir buscá-los à loja porque até hoje não chegaram. Em termos gráficos, pelo menos para o público-alvo cá de casa, ganham aos pontos à concorrência e as cores propriamente ditas parecem bastante mais interessantes (ou será só da produção?). Não fosse o paleio imbecil que trazem (estilo a utopia concretiza-se na fusão entre o universo urbano e o mundo do primitivismo, etc.), de quem anda a vender um conceito (eu só quero comprar tintas de boa qualidade e de cujas cores não me farte ao fim de uns meses) e convenciam-me à primeira. Claro que ainda vamos a tempo de mudar de opinião quando virmos os preços…

10 comments » Write a comment

  1. Não é preciso ficres limitada ás cores dos catálogos pequenos (o que eles chamam de tendências (?)), pq eles tem o catálogo da colormix que uma infinidade de tons…

  2. O que interessa mesmo é escolher as cores que se “adequam” à vossa sensiblidade, e a qualidade da tinta (Já li algumas coisas de comparações entre tintas, em revistas de pesquisa de qualidade e preço).

    E depois, pôr mãos à obra.

    Sandra

  3. Daqui a unas tempos vou começar nessa odisseia, apesar de algumas cores já estarem definidas.

    Boa Sorte!

  4. As tendências são sempre um pouco estranhas. Já vi “tendências” que vão desde o laranja forte ao chocolate. Tudo depende da casa em si e do que se pretende fazer com a divisão. Os catálogos de cores são bonitos e agradáveis, mas fico sempre com a impressão que aquelas casas não são reais. Estão perfeitas demais!

  5. Mais uma achega :D

    As cores que experimentei da CIN (azul tunisia, laranja, amarelo claro) sempre ficaram exactamente a cor que via no catálogo. Ao contrário das experiências de uns amigos meus com tintas da Robbialac em que já nem conseguiam identificar qual era o tom mais para o laranja ou o mais para o amarelo…

  6. Estou a ver que têm catalogos novos…a mim há 3 anos que me dão sempre os mesmos, vou ver se passo lá…também quero esses! Apesar de já ter as cores da casa nova mais ou menos definidas.

  7. Lá em casa tem-se usado a dyrup… sao tintas laváveis, parecem-me boas… e tb têm uma infinidade de cores disponiveis!… n tenho ideia dos preços, mas o meu pai é preocupado c a relaçao qualidade/preço e certamente teve isso em conta! ;) Por estes dias devo escolher cores p a sala q anda em remodelaçoes! ;) beijo p as duas!

  8. A minha sala agora é um prado…

    fiquei muito contente com o verde funcho da CIN que escolhi!

    ;)