*

carimbos e selos

Eu podia perder menos tempo a carimbar envelopes e a escolher selos*, mas não ia ter metade da graça.

*quem sabe se por causa dos vários jogos dos correios da Majora (para continuar o assunto de ontem) que tive. Ainda a propósito de jogos, fiquei a saber por causa deste post que os Laços Infantis não são portugueses (mas pelo menos eram vendidos cá por uma marca portuguesa).

de hoje, pouco

Um post curto, para dizer que estou a trabalhar afincadamente no novo layout para este blog e suas ramificações. Tenho estado a desenferrujar a custo as minhas noções de css mas a tarefa é viciante e há três dias que me toma boa parte do tempo. Engajei à força duas amigas para serem beta testers da nova versão e, quando avançar mais um bocado, vou pedir voluntários para avaliarem a navegabilidade do site e me ajudarem a encontrar bugs. Entretanto, estou também a preparar novos slings, porque na loja já só sobram três…

mais um post sobre a majora

majora

…a propósito de dois jogos que descobri finalmente em casa dos meus pais. Os outros posts sobre o assunto são este, este, este e mais este.

Os jogos são o Vamos às compras (actualmente o preferido da Elvira), sem data, e o Laços Infantis, já do princípio dos anos 80, que só precisa de uns cordões novos para estar em forma. Nem o design nem as ilustrações de nenhum deles são exactamente espantosos, mas estão a anos-luz de qualquer um dos produtos actuais (a nacional Carla Pott trabalha para a Imaginarium mas a Majora só tem ilustradores mediocres…) Não vale a pena repetir o que já escrevi sobre andarmos todos a comprar francês e alemão quando podíamos comprar (pelo menos também) português. Desconfio que só a Catarina Portas, que já conseguiu convencer várias empresas a fazer reedições de produtos descontinuados, é que me poderá valer…

Read more →