disclaimer

bonne maman

Porque nas últimas semanas me chegaram mais emails do que o costume de pessoas que generosamente acham coisas simpáticas mas irrealistas de mim: aqui em casa também se diz despacha-te e então, é para hoje? por muito que eu gostasse que não. Também se diz vai já e espera só um bocadinho a que a menina já aprendeu a responder que esse bocadinho é sempre um bocadão. Também faltam ideias para o jantar e sobra roupa no cesto. Também se pede ajuda aos avós quando apetece dizer mais despáchates e vaijás do que o recomendável. Também há nervos, também há vontade de cinco minutos de sossego absoluto, também há muita força. E muitas coisas boas.

12 comments » Write a comment

  1. :) ADOREI este post… e as fotos estão simplemente fantásticas!! Qualquer um precisa de “normalidade” e jávais para conseguir superá-la, por isso mesmo… :)

  2. como eu te compreendo!!!!!! tb tenho 2…rapazes. Um com 4 meses e meio e outro com 6 anos…são tantos os voujás e tantos os nervos…mas tb muitas recompensas!!!bjks! estou ansiosa pelo sling…

    natalina.

  3. Uma família “normal” e ainda bem!!!

    (Mas que linda fotografia)

    Bjs.

  4. Essa caixa tão gira é das compotas Bonne Maman? Se for, tens de me dizer onde se compram, são tão boas!

    Um beijo para toda a família! :)

  5. Ah, pois! Porque mesmo as super-mulheres e super-mães têm dias não e falta de paciência, nas mesmas doses em que têm muita força de vontade para o dia-a-dia de tanto que fazer…

    :)

  6. todos temos muitas cores, todas as cores. uns saberão melhor fazer-lhes a sua manutenção, outros pior a sua conjugação. este espaço será um bocadinho de ti nada mais do que isso. o resto é teu e de quem tu quiseres. deste lado gostamos de visitar esse lado ainda que seja uma parte de um lado o outro reserva que é precioso.

Leave a Reply to umademim Cancel reply

Required fields are marked *.


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.