sóis

pôr do sol

também

E. de saleiro na mão, a ler:

Pitada sal de mesa. Temperar e cozinhar. [Faz uma pausa para pensar] Isto se calhar foi escrito por algum poeta.

20 comments » Write a comment

  1. Adorei estas fotos!!! O efeito da sombra está lindo e claro as modelos ajudam bastante :)

    A tirada da E. diz tudo… que menina especial…

  2. Poeta é quem vê a poesia… Que bom que é saber que há crianças criadas com amor e espírito livre. Que o sejam para sempre! :)

  3. Que menina especial!

    De vez em quando lembro-me daquela saída dela, a cidade dos polícias (publicidade)! :-)

  4. A primeira palavra que li foi “SAL” de uma embalagem (daquelas cónicas) de sal de mesa. E, a partir daí, foi o vício total!

  5. Descobri hoje o teu lugar e fiquei maravilhado.

    Não só por todas as coisas bonitas que fazes e nele expões, mas pela forma simpática que falas, explicas, mostras e fazes sorrir.

    Num tempo onde praticamente só se houve falar de coisas más, foi uma lufada de ar fresco para mim.

    Adoro ver pessoas a fazer coisas criativas e a lutar pela vida, pois é isso mesmo que estou a tentar fazer.

    O mundo seria um lugar melhor se este tipo de acções passa-se nas TV’s em horário nobre, nos telejornais, etc, invés das palhaçadas do costume.

    Muito boa sorte e obrigado pela inspiração que me deste.

    Vic.

  6. sob o sol do alentejo

    e nas encostas suaves

    que dão vigor às videiras

    … é dos genes :D

  7. Isso aí em casa é que deve ser uma alegria. Com uma família tão bonita :)

    Tenho vindo a acompanhar o blog, mas como comecei a meio, tomei a liberdade de andar tudo para trás e ver a evolução de tudo foi mesmo muito engraçado.

    Muitos parabéns pelo teu trabalho e pela família que tens (as tuas filhotas são mesmo muito bonitas) :)

    Um beijO

Comentar