brincar

brincar

instrumentos

Por muito satisfeita que esteja com a escola que a E. frequenta e onde a A. entrará em Setembro, ao fim de umas semanas em casa sem aulas (nem outra ocupação que não os passeios possíveis) volto à convicção de que a escola, por boa que seja, tolhe. Libertas de todos os horários, actividades e orientação (connosco a tentar trabalhar por entre a desarrumação galopante), não me lembro de as ver tão entretidas, autónomas e criativas como nos últimos dias.


concerto

9 comments » Write a comment

  1. Como te entendo R… é bom quando eles estão em casa… Era melhor se eu estivesse com ele… mas em casa da avó tambem se aprendem coisas que a escola não ensina… a regar batatas e… esta manhã tive a emoção de ver os primeiros azulejos cozidos e tudo que ele pintou no atelier da tia… i am drooling:)

    Lindos os brinquedos das tuas filhas:D

  2. Realmente duvido que se façam tais instrumentos nos infantários

    A música devia ser deliciosa :)

  3. O meu filho tb vai começar a escola este Setembro a caminho dos 3 anos. Enquanto está em casa comigo, tb brinca com cartão a fingir que são castelos, finge que toca bateria com os lápis em cima de pratos de plástico, etc. É outro tipo de criatividade, mais livre. Sei que a escola vai ser bom para ele, principalmente porque ainda não tem irmãos e gosta de brincar com outros miúdos, mas outras coisas preocupa-me.

    Elas estão com um ar muito feliz!

  4. Há escolas muito boas e que não tolhem, o jardim de infancia do M (em Coimbra) funciona numa filosofia que tem alguma coisa da escola moderna, as crianças têm elevado poder de decisão. Parte do dia passam-no num local onde têm imenso material que pode existir numa casa, caixotes, cartões, tintas, brilhantes, colas e tesouras, restos de tecidos… e cabe aos miudos inventarem. Também são as crianças que decidem que máscara querem fabricar para o Carnaval, ou que prenda querem construir para o dia da mãe. Não sou muito apologista da escola moderna mas ao nível do jardim de infancia esta funciona muitissimo bem, os meninos são extraordinariamente criativos.

  5. As crianças têm falta de brincar livremente, as escolas sufocam…são demasiadas actividades dirigidas. As crianças precisam urgentemente de tempo para ser crianças.

    Não sei como há pais que têm a coragem de manter os filhos nos infantários quando estão de férias em casa…são opções que certamente contribuem os comportamentos que infelizmente observamos nas escolas hoje em dia.

Leave a Reply

Required fields are marked *.


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.