dar cor

dyeing

dyeing

Por causa das novas lãs para meias que chegaram à Retrosaria, apeteceu-me fazer mais algumas experiências de tinturaria. Usei um processo diferente desta vez, que aqui deixo em formato de receita:

Ingredientes:

Uma meada de Beiroa branca novelada
Tintas próprias para tingir lã (eu uso da Jacquard mas também se pode experimentar com tinta Raposa) ou corante alimentar
Vinagre branco do mais barato
Seringas de plástico de 50ml
Luvas de látex e avental
Um recipiente que possa ir ao micro-ondas (eu uso um pyrex)
Forno micro-ondas

Execução:

dyeing

Demolhar a lã em água com bastante vinagre (o vinagre permite a fixação da tinta) e apertar o novelo como se fosse uma esponja, de forma a que ele fique totalmente saturado. Deixar em repouso.
Com as luvas calçadas, preparar as tintas de acordo com as instruções (150ml de tinta são suficientes para um novelo com 100g). Neste novelo foram usadas três cores diferentes.

dyeing

Espremer ligeiramente o novelo. Encher as seringas de tinta e pintar a lã, tendo o cuidado de fazer a tinta chegar também ao interior do novelo.

dyeing

Colocar o novelo dentro do pyrex e tapar. Caso se use outro tipo de recipiente, é necessário deixá-lo ligeiramente destapado, para que não expluda dentro do micro-ondas. Se o novelo não estiver suficientemente saturado de líquido convém acrescentar um pouco de água.

dyeing

Cozer alguns minutos no micro-ondas (costumo fazer dois períodos de 4 minutos a 440w). Deixar repousar um ou dois minutos.

dyeing

Retirar do forno com cuidado, destapar e deixar arrefecer.
Quando estiver morno, passar por água tépida abundante, espremendo o novelo com cuidado, até esta sair límpida.
Deixar secar.

26 comments » Write a comment

  1. Pingback: meada corada | A Ervilha Cor de Rosa

  2. Pingback: caneleiras com corantes | A Ervilha Cor de Rosa

Leave a Reply

Required fields are marked *.


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.