3 comments » Write a comment

  1. Pingback: a tecedeira briosa | A Ervilha Cor de Rosa

  2. Muito interessante o texto. Nao sabia do fabrico das mantas de papa em Castelo de Vide no séc. XVI. Onde encontrou a informação? Pode fazer o favor de ma indicar? Bem haja

Comentar