fraldinha

fraldinha

Para além do Crafty Tour of Lisbon, que vai crescendo aos poucos, pensei em, até ao fim do ano, escrever regularmente uma entrada com uma sugestão de Natal (ainda faltam dois meses inteirinhos mas pelo menos comigo as prendas são mais certeiras quanto mais cedo forem pensadas). Há umas semanas, quando me vi na necessidade de marcar a muda de roupa e outras coisas que a E. tem de ter na escola, ocorreu-me que tinha muito mais graça ser ela própria a marcá-la. Daí a pô-la a desenhar numa fralda de pano (acessório multi-usos indispensável desde o dia em que nasceu) foi um instante e agora em vez de adormecer com um pano (relativamente) branco adormece abraçada a um desenho. Ora se a ideia é boa para consumo interno, acho que pode resultar em boas prendas para primos e amigos recém-nascidos. Fraldas de pano, na minha experiência, nunca são demais, e desenhadas, seja só num canto ou de uma ponta à outra, ainda são melhores.


Materiais:

1 fralda de algodão (lavada e passada a ferro)

1 cartão ou plástico mais ou menos do mesmo tamanho da fralda ou 1 bastidor

Molas da roupa ou de escritório

Canetas de feltro próprias para tecido (usámos as Edding t-shirt marker)

Como fazer:

Fixar a fralda sobre o cartão prendendo-a com as molas a toda a volta, de forma a ficar bem esticada. Desenhar à vontade.

Retirar a fralda do cartão.

Seguir as instruções das canetas usadas (em alguns casos é preciso passar a ferro para fixar a tinta).

Lavar e passar a ferro.

11 comments » Write a comment