#119

050125_boneca119.jpg

Em menos de um mês nasceram de pessoas que me são próximas quatro bebés. Mesmo sem ter dado colo ainda a nenhum deles todos os dias me revejo naqueles primeiros dias de deslumbramento e angústia, no cheiro maravilhoso e inesquecível do meu bebé assim que nasceu, na energia inesgotável e no cansaço que nunca nunca acaba.

#118

coelho-ta

Mais um coelho-tá, aqui a tiracolo na E. Nunca mais consegui encontrar deste tecido à venda. Ando a usar aos bocadinhos o pouco que ainda tenho.

Quando me vê muito concentrada ao computador ou quando demoro mais do que o tempo regulamentar a responder aos seus apelos repete resignada a frase que lhe disse uma vez: a mamã a coia potanti (a mamã está a fazer uma coisa importante).

Eye-candy:

My Paper Crane: um boneco-casa de guardar lápis e canetas.

Secret keepers: marsupiais guardadores de segredos.

HeartFeltDesign: coisas e mais coisas, incluindo malas lindas como esta.

#111

sunny

A E. acordou muito cedo no primeiro dia do ano. Cedo que chegue para apanhar a luz especial que nesta altura banha a nossa sala durante mais ou menos meia hora.

KDunk: Há quase dois anos que acompanho em silêncio esta rapariga. Leio regularmente o que escreve, olho para as fotografias que tira e para as que lhe tiram a ela e em todo este tempo quanto mais próxima dela me sentia menos à vontade ficava para lhe escrever ou simplesmente deixar um comentário (um simples gosto tanto do que escreves e de como olhas para as coisas não me parecia ser suficiente). Hoje de manhã recebi um email dela. Fiquei tão contente…

#110

happy new year

Resoluções de ano novo:

Andar sempre com pelo menos um saco de plástico ou pano na mochila para evitar trazer para casa sacos desnecessários. Não ter vergonha de dizer que não quero saco, mesmo nas lojas mais caras, e levar a cabo o projecto coldre porta-sacos de plástico para ir ao supermercado.

Gastar menos água durante o banho.

Escrever um texto ilustrado com instruções sobre a separação e reciclagem do lixo (mais inteligível que o distribuído pela CML) e deixá-lo nas caixas de correio do meu prédio.

Ensinar alguém a fazer tricot (alguém que queira aprender, claro).

Continuar a sonhar com uma nova gravidez, com a minha loja não virtual e com uma casa em que não se gele no Inverno.

Bom ano!