ela

fada

Chega à sala com uma fralda de pano na cabeça:

Mãe, sou uma fada. Vou salvar o Tamino do dragão.

E onde está o Tamino?

Está ali atrás daquele armário e ele já é muito grande e já pode mexer no detergente.

Com bastante surpresa nossa, a Flauta Mágica (em Sueco!) destronou o Madagáscar no dvd e nas brincadeiras. Inevitavelmente, penso que influência terá em tudo isto o facto de a ter ouvido centenas de vezes dentro da minha barriga. Ei-la desenhada por mais meninos.

…entretanto, outro dilema: Aceitei o primeiro convite para ir a um programa de televisão sobretudo por ir em boa companhia (e foi espantoso o feedback que recebemos) mas desde aí disse que não a uns quatro ou cinco outros convites. Hoje fui convidada para mais um (Contacto, da SIC, que nunca vi) e voltei a ficar na dúvida. Prós? Contras?

16 comments » Write a comment

  1. I would love to see you on TV and lalas too!

    hello brave and beautiful fairy…:)

    *

    Mary

  2. linda a elvira e que bom brincar!

    é raro ver tv e não cheguei a ver esse programa onde fomos, mas de facto a companhia foi óptima e o feedback foi e continua a ser surpreendente. convidaram-me há pouco tempo para ir a um daqueles programas da manhã, e na dúvida, vi o programa. não aceitei. não me identifico com os cenários nem o estilo nem com os assuntos nem me parece que no meu caso, se justifique tanta exposição e tanta audiência para as poucas peças únicas que faço. conclusão, a ser muito conhecida por muitos, prefiro que o meu trabalho seja reconhecido por alguns. não é por snobismo, mas sobretudo por timidez… e se tiver que me expôr por motivos de trabalho, protejo-me não me colocando em situações que me deixem na dúvida e pouco segura. programa contacto? nunca vi, mas vou espreitar. se tiver qualidade, porque não? se for bom, vale a pena.

  3. Eu adorava ver-te mais vezes na televisão, confesso. Mas, e seguindo a linha de raciocínio da Hilda, apesar de nunca ter visto o Contacto, a minha sincera opinião é que penses bem se é um programa onde gostarias de ver alguém cujo trabalho admiras.

    (É claro que se decidires ir, vou ver de certeza e vou gostar muito, independentemente do estilo do programa.)

    No fundo, é como tudo: tu é que decides! :)

    Beijinhos!

  4. não faço mesmo ideia que programa é esse… :s

    televisão, nos últimos tempos, é uma realidade que não acontece cá em casa…

    mas programas da manhã é para esquecer!

    ui, Rosa, olha aqui o link http://sic.sapo.pt/online/programas/contacto para o programa… é o da Rita Ferro! :s

    deve ser eauivalente programa da manhã mas à tarde…

    =)*

  5. tão bom vê-las interssadas igualmente pelas erudições como pelo não-erudito… (a I adora os concertos promenade do coliseu – e porta-se lá melhor do que os primos mais velhos – e é perdida de amores pelo Madagascar tb!!!)

    quanto ao Contacto… eu torceria o nariz. a ideia da Hilda faz todo o sentido – não me parece que interesse ao vosso trabalho ser conhecido assim… é provável que seja a vossa presença lá a parecer snobismo e não o contrário…

  6. *God*

    Se é do da Rita Ferro à tarde – vi 1 pouco qdo a Gaby teve varicela – é de fugir…

    A Rita Ferro surprendeu-me pela negativa. Infelizmente ao programa só falta um ventríloquo :-S

    ps – O máximo, a tua E.

  7. Olá Rosa,

    Concordo com o quediz a Joana e a Hilda… De facto a televisão pode ser um excelente veículo de informação, contudo, algo perigoso também. Não é de se descuidar o facto de que a participação num destes programas (que me parecem apenas formas baratas de entreter o povinho e de o manter ocupado, sem pensar)trará certamente alguma espécie de rótulo, de etiqueta ao teu trabalho, não? E isso pode ser bom, se for o que procuras, mas e se esse distintivo não tiver minimamente que a haver contigo?

    Faz apenas o que (me parece) tens sempre feito: sê tu mesma, no matter what!

    beijinho, e mais um para a fadinha!eheheh!

    sara

  8. Não sou a pessoa mais indicada para me pronunciar sobre o programa (advogada em causa/casa própria – SIC e SIC Notícias) mas posso dizer-te que já lá foram algumas pessoas com talentos muito semelhantes ao teu mas com situações de vida bem diferentes(não sei se já ouviste falar de anamadragoa.blogspot.com).

    Sobre a Rita Ferro Rodrigues, sou sincera… Sou muito amiga dela mas principalmente grande admiradora pois acho que em Portugal não há muitas apresentadoras profissionais e meigas como ela… A ida ao programa é naturalmente uma forma de divulgarem/promoverem o vosso trabalho, mas principalmente de mostrar que há muitos e bons talentos no nosso país… é também uma outra forma de chegarem a públicos que pela internet não conseguem ter “contacto” com os vossos trabalhos…

    Quanto ao risco de parecer snobismo, não me parece que exista… Primas pela simplicidade e subscrevo o que já disseram: sê tu mesma e ninguém te poderá apontar o dedo.

    Faço votos para que te decidas pelo sim. Espero que não leves a mal este meu “puxar a brasa à sardinha”…

    Beijos grandes!!! A Elvira está cada vez mais querida!!!

  9. Olá Rosa.

    A tua filha é um doce!

    Vi alguns minutos do contacto,o suficiente para mudar de canal.Sinceramente acho que se perderam e acabaram por criar uma cópia dos programas da manhã. tudo bem que é uma oportunidade para divulgares o teu trabalho, mas na minha opinião, não atinges o publico que te interessa.

    a decisão é tua!

  10. Bom, pelo que vejo o programa não reúne até agora muitos fãs. Por outro lado poderia ser que com a tua ida, a coisa mudasse de figura ;) Naturalmente os convites aceitam-se quando existe uma empatia ou então, uma “distância” tão grande que por isso mesmo vale a pena arriscar. Nunca vi o “contacto”, mas o que me parece é que querem divulgar um mundo que vale a pena conhecer, rever, ver e ouvir. Neste caso o teu trabalho.

    Fico então à espera do desfecho, mas há uma coisa: da base e pó de arroz não te safarás se a resposta for sim, heheeh

  11. pois olha… no outro dia vi um bocadinho com a isabel do carmo… é de facto assim programa da manhã mas à tarde, e tem um moço, que não sei o nome, muito tonto….

    de resto, não sei… pode ser engraçado na medida em que de facto podes chegar a outras pessoas, mas talvez não fosse má ideia tentares ver um desses programas antes…

  12. Olá Rosa!

    Olha, também nunca vi o programa Contacto e não sou propriamente a maior fã da Rita Ferro Rodrigues mas acho que deves lá ir.

    Primeiro, porque a Rita Ferro parece-me profissional e sensível qb, o que significa que te deixará falar e expor o que quiseres da forma como quiseres.

    Segundo, porque não só divulgas o teu trabalho em concreto como podes aproveitar para falar de coisas que são pouco faladas na tv generalista diurna. não são só donas de casa desesperadas que vêem tv diurna. e mesmo que sejam, não vejo porque não se poderiam interessar pelo que fazes e tens a dizer, antes pelo contrário.

    Terceiro, porque me irrita também um bocado a snobeira anti-tv. uma das razões pelas quais não vejo mais televisão é por os senhores das várias estações partirem do princípio que talk shows e entretenimento é para mentecaptos e por isso não se esforçarem por fazer coisas de qualidade. um talk show/entretenimento pode ser muito bom e de muito boa qualidade e isso passa, também e muito, pelos convidados.

    Se fosse a ti, ia ao Contacto.

    beijos grandes

  13. Passo aqui tanto para ver os teus trabalhos, como para ver sua gatinha linda – tão parecida com minha sobrinha, nas falas e fisicamente também. Bjs

  14. Que espectáculo! Não são muitos os meninos que brincam com a história da flauta nágica! A sorte é que não tem de a perceber (coisa que eu ainda não consegui muito bem ;) ) Mas também com aquela música quem é que quer perceber a história?

Leave a Reply

Required fields are marked *.