alforge

alforge artesanal

Não é que estivesse na minha lista de compras, mas apanhou-me desprevenida e não lhe resisti. É um alforge e namorou-me da montra da Loja do Mundo Rural, um dos melhores sítios de Lisboa para conhecer algum bom artesanato Português (à mistura com peças que não se percebe o que lá estão a fazer). Voltando ao alforge, acho que foi feito no Algarve (depois confirmo) e é lindíssimo (em Mértola fazem-se uns diferentes e igualmente bonitos). Para o usar é preciso prática, porque transportar peso num ombro só sem ele escorregar braço abaixo não é assim tão fácil. Pensei em pôr-lhe uma mola de forma a poder trazê-lo a tiracolo (até porque dá um bom agasalho), mas também fica óptimo sossegado em casa, no braço do sofá, nas costas de uma cadeira ou por cima de uma das portas que nunca se fecham. A E. e a A. adoram esconderijos para os livros e brinquedos…


alforges por Benjamim Pereira

Miranda do Douro, Constantim. Homens com alforges às costas no dia da romaria de Nossa Senhora da Luz.

Fotografia de Benjamim Pereira, retirada de Traje Popular, catálogo da exposição realizada pelo Museu de Etnologia no Museu Nacional do Traje em 1977.

9 comments » Write a comment

  1. how beautiful it is (and a great idea that A. and E. have :)

    tenho que comprar esse livro!

    Mary*

  2. É muito giro, aqui pelo Algarve ainda se vêem alguns, poucos mas, ainda se vão vendo. Eu fiz, dentro da mesma ideia, uma espécie de algorge grande, que atravessa a cama da minha filha de um lado ao outro, por baixo do colchão, e lhe permite guardar os livros e brinquedos com que se entretem à noite enquanto “finge” que dorme:)!

  3. este alforge é lindo!

    nunca tinha visto um… isto de passar a infancia no estrangeiro, nao ajuda a conhecer as tradiçoes da sua origem… quando voltei muitas coisas tinham mudado e a minha aldeia já era considerada zona industrial textil… obrigada por me dares a conhecer mais do meu país…

    :)

    bom fim-de-semana

    manela

  4. vim cá dar, ao procurar alforge no google. também não resisti e comprei um (estas férias, em miranda do douro), que está também numa das portas que nunca se fecham, cá por casa! ;)

  5. Pingback: as alforjas | A Ervilha Cor de Rosa

  6. Pingback: alforges do baixo alentejo | A Ervilha Cor de Rosa

  7. Onde posso encontrar um alforge, ando a procura na net mas não encontrei grande coisa.
    Conhecem algum site? Quanto pode custar um alforge?
    Obrigado

Leave a Reply

Required fields are marked *.