meias

meias da aldeia da serra

Com sete pares feitos até à data, ainda sou bastante ignorante no que diz respeito às meias de tricot, mas a minha curiosidade pelo assunto não tem parado de aumentar. Ultimamente tenho tentado saber mais sobre as que de fazem ou fizeram em Portugal. Neste post mostrei umas de Reguengos de Monsaraz e outras que são semelhantes a estas do Museu da Terra de Miranda. Que as há muito diferentes umas das outras é fácil de perceber puxando um bocadinho pela memória. Até agora as que mais me surpreenderam foram estas, tradicionais da Aldeia da Serra (Redondo). O livro de onde tirei a imagem – Artes e tradições de Évora e Portalegre (Lisboa, Ed. Terra Livre, 1980) – dedica-lhes um pequeno capítulo em que diz que na altura da recolha já só eram feitas pela senhora na fotografia (a Tia Lisa, que tinha então 78 anos).

15 comments » Write a comment

  1. Que maravilha de exemplo de meia!

    That book collection is a favorite of mine also.

  2. Que bom continuar a sensibilizar as pessoas para esta arte tão nobre que é a de tricotar.

    Eu prótria já me rendi!Já recomecei a mexer nas agulhas e lãs e neste momento estou a fazer um gorro.

  3. Tengo fotos en color de calcetines de Aldeia da Serra. En una de ellas se ve a una mujer tricotando, que podría ser Tia Luisa. Las fotos se publicaron en un “100 idées” de 1977 en un reportaje sobre artesanías portuguesas (canteros, jarapas, medias, ganchillo y corcho). Esta noche te las mando.

    Saludos.

  4. Não sei se esta informação pode ajudar, há uns anos fui fazer uma reportagem fotográfica a Rio de Onor e fotografei uma senhora idosa que estava a fiar a lã na rua e a fazer meias com essa mesma lã.

  5. sei q este ano fizeram um mini curso de meias desta aldeia… ainda fiquei curiosa mas foi falta de tempo…

  6. Olá!

    Sou alentejana e vivo a poucos km da Serrad’Ossa e lamentavelmente é preciso o blog da Rosa para que eu descobrir as meias da Serra d’Ossa!! No entanto a rosa de três folhas é um motivo recorrente por aqui, em cortinas, panos (naperons), etc… a minha mãe tem umas cortinas lindíssimas cujo centro é em renda com um pavão contornado pelas ditas rosas e com linho todo à volta, é uma réplica de uma cortina da minha trisavó!!

    Parabéns pela pesquisa e obrigada por estar sempre a abrir-nos os horizontes

  7. Estou procurando toda e qualquer informacao sobre o trico POrtugues. Acho que foi no seu website que achei maior parte das informacoes antes da minha visita a Portugal, mas nao sabia deste Museu e deste livro. Existe alguma possibilidade de eu conseguir comprar este livro ou conseguir mais informacoes? Estou fascinada com a foto da senhora com dois alfinetes, um em cada ombro. Por favor me mande mais informacoes. Minha pesquisa a respeito do assunto esta fragmentada.

    Muito Obrigada,

    Andrea Wong

  8. Pingback: à turca | A Ervilha Cor de Rosa

  9. Pingback: aldeia da serra, redondo | A Ervilha Cor de Rosa

  10. <<<<<<hola, que bonitas medias…me gustaría comprar unas on line, es posible? podrias enviarme,por favor, la dirección de alguna web donde poder comprarlas.Gracias por adelantado.
    Por cierto, te feilicito por tu web, es interesante y preciosa.Estoy descubriendo cosas de Portugal que desconocía.Gracias!

Leave a Reply

Required fields are marked *.