mool

Mool

Mool

Outra das artes que ainda tenho de aprender a domar é a de recuperar molduras antigas. Hei-de ganhar o olho e a experiência necessários para destrinçar o que vale a pena no meio de um monte empoeirado, mas para já nada como recorrer a quem faz, e bem, molduras novas. Já ouvia falar bem da Mool desde a abertura mas só hoje fui finalmente descobrir esta loja de molduras diferente. Do que já pude experimentar, não podia estar mais satisfeita.

()

5 comments » Write a comment

  1. Pingback: A Ervilha Cor de Rosa » loreto:

Leave a Reply

Required fields are marked *.


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>