fernão joanes (2)

Ti Aristides

Ti Aristides

Fernão Joanes, na Guarda, é uma aldeia pequenina a quase 1000m de altitude. Os rebanhos são poucos hoje em dia porque os pastores envelheceram, mas as histórias do que se passava há 30 ou 40 anos são muitas e fascinantes. Por ali pouco se vêem os casacos de raxa e capas de Burel do outro lado da Serra – quando sai com as ovelhas, o pastor leva o cajado e um cobertor de papa (Maçainhas é ali mesmo ao lado). O rebanho conhece as riscas da manta e segue-a, obediente, que o pastor a sério é o que anda à frente do rebanho e não atrás dele. E se o corpo se ausenta, a manta e o cajado trabalham sozinhos.

o pastor

manta e cajado

4 comments » Write a comment

  1. Que lindo cobertor de papa.
    Este tipo de posts são tão ricos: a poesia das imagens, das palavras e da vida de um Portugal mais recôndito mostrada assim na sua autenticidade. Obrigada Rosa por este itinerário por um Portgal desconhecido e tão bonito!

  2. o blog a uns anos atras era maravilhoso de se visitar. agora todos os posts cansam,so falam de tradicao e workshops. muito aborrido. mas como se diz, quem esta mal muda-se… entao ‘e o que vou fazer. com falhas ortograficas por culpa do teclado. boa tarde e continuacao.

Leave a Reply

Required fields are marked *.


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>