#444

444

pires de pano de natal

Todos os dias alguém pergunta para onde vamos a seguir e, agora que estamos a duas semanas de fechar, já estou com saudades. Quem sabe o que se segue?

Os ritmos da loja são sempre imprevisíveis e surpreendentes. Ontem, entre outras visitas asiáticas, tirei fotografias com duas senhoras japonesas que acharam tudo kawaii e se apaixonaram pelo Dodo voador e conversei com um rapaz indiano a quem a Laura Horse fez sentir em casa.

(aguardo com expectativa)

Read more →

#436

436

Esta semana tenho estado mais tempo na loja. Passados dois meses desde que abrimos portas, já me habituei a ter aquele espaço como ponto de encontro, de coser à vista de olhos curiosos e de receber visitas inesperadas. Vai fazer-me falta, de certeza.

Com a E. tenho tido conversas sobre o Natal. Que responsabilidade a de decidir o que contar, como contar, e que sensação a de ver os olhos arregalados enquanto me ouvia dizer que o Pai Natal vem de trenó, a voar, distribuir prendas a todos os meninos bem comportados (num mundo tão PC não devo ser a única mãe a ter hesitado uns segundos antes de avançar definitivamente com tal patranha).