compras e prendas

compras

Durante a feira só fiz duas compras (o tempo para fazer fosse o que fosse para além de estar lá em cima no meu cantinho não foi quase nenhum…): uma magnífica pulseira da Hilda para mim (da próxima vez espero que ela leve um carregamento delas – foram um sucesso) e um coelho-fantoche para a E., escolhido com dificuldade porque o que apetecia era comprar a colecção toda (vendem-se aqui). Hoje, aproveitando a manhã em que a E. tira folga de me aturar e vai passear com a A., também fiz compras, daquelas pequeninas que com ela demoram sempre o quádruplo do tempo e a deixam cansada. Cheguei a casa com a mochila cheia (de cartolinas, cremes, carimbos, chá e bodies de algodão) e nenhum saco de plástico. É engraçado comparar a reacção dos lojistas quando lhes digo que não preciso de saco: uns agradecem, outros percebem e outros admiram-se tanto que sinto necessidade de me justificar: é menos uma coisa para levar para o ecoponto… É um desperdício de energia e matérias-primas, é o que é.


prendas

Da feira não trouxe só compras e mimo. Tive duas prendas feitas à mão: um cachecol lindíssimo feito pela Isabel que me tem acompanhado todos os dias e uma menina de tricot feita pela Marisa para a E. – ela adorou!

7 comments » Write a comment