fazer

what's quilting

what's knitting

Dois projectos em curso:

Um novo quilt para juntar a estes. Alguns dos tecidos estavam escolhidos há meses, mas o conjunto só tomou forma quando lhes juntei dois que acabam de chegar à Retrosaria e outro que foi dos primeiros que por lá passaram. Deixei a meio um que ainda não mostrei aqui, cujo padrão tirei de um dos meus azulejos preferidos. Logo há-de chegar o tempo dele.

Na segunda fotografia está este xaile, já mais crescido mas ainda longe do fim (a lã é uma das minhas Trekking xxl e o figurino chama-se Forest Canopy shawl). Se tudo correr bem há-de ficar parecido com este. Ao lado está o catálogo da Boden, que só lamento não ter conhecido há mais tempo ().

meias

são para e*La

meias novas

Ficam mesmo bem com as minhas sapatilhas novas mas são para a minha mãe ter os pés quentinhos este Inverno. A lã é a Trekking XXL 147 e também as pus no Ravelry, o ponto de encontro on-line para quem faz tricot e que ainda só comecei a explorar.

Vou sortear um exemplar da nova revista de tricot do Atelier Zitron (com instruções em Inglês e Alemão) entre todos os clientes da Retrosaria que fizeram compras de tricot entre o passado dia 5 e a meia noite de hoje. E estou curiosa para saber se já alguém experimentou as instruções para meias que passei a enviar com os novelos…

Read more →

trekking xxl

i see socks

i see socks

A primeira fornada desapareceu num instante, mas já há outra vez lãs Trekking na Retrosaria. Cerca de trinta cores repostas e mais algumas novas, acabadas de sair. Para além delas vieram também algumas Trekking Pro Natura, que são feitas de lã e fibras de bambu, agulhas, um monte de livros japoneses de costura e tecidos africanos.

A Trekking XXL foi concebida para fazer meias mas também pode ser usada para outras peças de roupa. Feita alguma pesquisa, aqui ficam links para algumas:

Gola/gorro: Turtleneck.

Xaile: Ella.

Camisola: Abotanicity.

Cachecol: Clapotis.

Gorro de bebé: Sweet baby cap.

E mais meias, claro: Monkey e Spring Forward.

Read more →

pequenina grande

riscas

A A. resolveu cumprir aquilo que ameaçava há uns meses, mas felizmente só por metade. Conseguimos convencê-la a voltar a dormir a sesta quase todos os dias (às vezes a muito custo), mas as fraldas parece que vão mesmo passar à história bem mais cedo do que o previsto. Como ainda não ficou frio anda pela casa quase sempre só de t-shirt, mas as babylegs já estão a ser uma ajuda preciosa (em Portugal são vendidas pela Zélia). A bibliografia específica – Everybody Poos – aprovada pela E. quando passou pelo mesmo e que recomendo vivamente para o efeito está de novo em funções.

Na fotografia, as meias que terminei mais recentemente (a lã é da Regia).

trekking xxl

hungry caterpillar

hungry caterpillar

As novas lãs na Retrosaria fizeram-me sentir como a lagartinha comilona do livro preferido da A. Posso continuar a ir de novelo em novelo e tricotar meias para toda a família que, com tantas cores à escolha, não vou perder a vontade facilmente.

A Trekking XXL é a minha lã para meias preferida. Desde que a experimentei mas ainda mais depois de falar várias vezes com o seu autor, o senhor Zitron, que não se cansa de explicar o cuidado com que é criada, a qualidade das matérias-primas que usa e o sucesso que tem alcançado um pouco por todo o mundo. A Retrosaria é a primeira e única loja a vendê-la em Portugal, e com muito orgulho.

Read more →

meias altas

meias

meias

Meias de . Nesta altura só são uma visão agradável para quem gosta de as fazer (e para ela, que as recebeu e queria continuar com elas calçadas apesar do calor). Têm riscas desirmanadas de propósito, e as que tenho agora nas agulhas também vão ter, como as primeiras. Deixo a simetria para as das lojas.