13 comments » Write a comment

  1. ai (suspiro) cada um de nós tem os seus hexágonos para carregar às costas.
    sim, um dia também terei a minha não digo manta, talvez uma almodainha, pequenininha.
    cá em casa a publicidade dá uma ajuda para o molde :)

  2. Que belo conjunto de hexágonos! Já aumentou muito desde que os vi em Julho. ;)

  3. Que bela ideia…..
    E no fim, a colcha, será única….
    e os seus, no futuro, lembrar-se-ão de quem a fez…
    Outra coisa que me chama a atenção, é onde você guarda os hexágonos já prontos…
    Reciclar, reciclar sempre, além do que estando nos vidros, pode-se ver o que há lá dentro…
    Um grande abraço de Maria Filomena

  4. ficou admirativa pela tua capacidade de trabalho enquanto mãe & artista, pela tua persistência no gesto, na escolha; eu bem sonho em fazer uma colcha assim – mas com hexágonos bem maiores ! – mas penso que será para uma outras das muitas das minhas vidas terrestres ! em todo o caso admiro-te pq ser mãe de 2 crianças , criar a sua própria empresa, ser artista e auto-gerir o seu tempo pessoal e projectos em tempo de crise é muito muito trabalho. Rosa, desejosa de ver a colcha porque sei que vai ficar linda !

  5. Rosa, eu tenho uma colcha começada de hexágonos faz muuuuito tempo. Também feitos à mão, porém é uma técnica ou um jeito de fazer que aprendi com minha mãe. Corto os quadradinhos e depois coloco um molde feito em papelão e vou costurando os ladinhos, deixo sem costurar os dois último e daí retiro o molde e finalizo. Eles ficam mais pesadinhos, porque tem mais tecido no verso. Será que me fiz entender? Mas eu acho lindo demais esta técnica.

  6. Os hexágonos têm papel por baixo. E depois quando cose tudo como é que o tira?

  7. Uma amiga me pediu uma dessa,na época nem tive coragem…rsrs.Mas agora penso em fazer para presentea-los pelo casamento em breve.Admiro muito esse trabalho,parabéns!!

  8. Pingback: hexágonos | A Ervilha Cor de Rosa

Comentar