3 comments » Write a comment

  1. Que maravilha! E que pena já não estar em Portugal que estaria aí concerteza! Na verdade sinto-me como Cassandra, há uns anos eu tentei recuperar a cultura do linho e mostar às pessoas todo o vasto potencial agrícola/rural/ cultural/etnográfico que se podia explorar, nem o curso de eng. agrícola me valeu, ninguém acreditava em mim e saí de Portugal, pois tinha que ganhar a vida… agora está tudo de volta às raízes e com novos-rurais!… Mais uma vez parabéns, Rosa!

  2. Gostei imenso de ver as imagens do workshop! Tive imensa pena de não poder ir: passei as duas semanas antes desse fim de semana a precisamente a fiar lã Mirandesa, até fui a Mogadouro por uns dias e tudo. E logo naquele fim de semana tinha voo marcado para o Canadá…. Que pena. Gostei imenso de ver as rocas das fotografias que eram particularmente finas e bonitas!

  3. Pingback: lã em movimento | A Ervilha Cor de Rosa

Leave a Reply

Required fields are marked *.


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>