sete em um

gola beiroa

Era para ser só uma experiência de tricotar a cores com as sete beiroas novas mas acabou por resultar numa gola pequenina, mesmo ao tamanho da A. Fica a receita, para quem quiser experimentar ou variar sobre o tema:

Materiais:

Beiroa nas cores 695, 409, 567, 557, 595, 729 e 625
Conjunto de 5 agulhas de 3.5mm x 20cm
Conjunto de 5 agulhas de 4mm x 20cm
Dois alfinetes de fazer meia
Uma marca
Agulha de ponta redonda para os remates

Execução:

Canelado: Com a cor 695, montar 112 malhas nas agulhas de 3.5 com o método de montagem à portuguesa (fio ao pescoço) ou outro que produza uma margem elástica, distribuindo as malhas pelas quatro agulhas. Introduzir uma marca para assinalar o início/fim da volta e verificar que as malhas da montagem não ficam torcidas.
Trabalhar 10 voltas em canelado 3×1 (3 malhas de liga, 1 malha de meia).

Padrão: Com as agulhas de 4mm e colocando um alfinete de fazer meia em cada ombro, trabalhar o padrão sempre em liga. Na primeira volta, acrescentar duas malhas, uma no início e outra no meio da volta (114 malhas). Esta primeira carreira é trabalhada da seguinte forma: *5 malhas com a cor 695, 1 malha com a cor 409*. Repetir de * a * até ao final da volta.

Nota importante: para o padrão ficar com um aspecto uniforme, é essencial suspender cada cor sempre no mesmo alfinete, por exemplo: começar com a cor 695 no alfinete do lado esquerdo e a cor 409 no do lado direito. Quando a cor 695 deixa de ser usada, passar a nova cor (567) no alfinete do lado esquerdo, mantendo a cor 409 do lado direito. Ao retomar o trabalho depois de uma pausa, passar os fios no mesmo alfinete em que se encontravam antes.

Depois de completar o padrão, trabalhar uma volta lisa em liga com a cor 625, matando duas malhas (uma no início e outra no meio da volta) (112 malhas).

Canelado: Com as agulhas de 3.5mm, trabalhar 10 voltas em canelado 3×1 (3 malhas de liga, 1 malha de meia).

Rematar usando uma técnica de remate que produza uma margem elástica (por exemplo esta).
Rematar as pontas de fio soltas.

Para uma gola de adulto convém montar um mínimo de 124 malhas, aumentando para 126 a seguir ao canelado.

This tiny cowl was purled from the inside, portuguese style, using two knitting pins to hold the yarn (one on each shoulder). The yarn is Beiroa, shades 695, 409, 567, 557, 595, 729 e 625, knitted on 3.5mm (rib) and 4mm (pattern) double pointed needles.

Instructions: CO 112 st on the 3.5mm needles using shade 695 and *p3 k1* 10 rounds. With 4mm needles, start following pattern, increasing 2st on the first round (114 st). Purl one round with shade 625 after finishing the pattern, decreasing to st (112 st). With 3.5mm needles, *p3 k1* 10 rounds. Cast off.

For an adult size version, cast on at least 124 st, increasing to 126 at the beginning of the pattern.

5 comments » Write a comment

  1. Pingback: fazer meia | A Ervilha Cor de Rosa

Leave a Reply

Required fields are marked *.


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>